• Tony Veríssimo

Servidores Públicos de Montadas paralisaram suas atividades em protesto ao Executivo



Paralisação. Essa foi a palavra chave de advertência ao Governo do prefeito de Montadas, Jairo Herculano de Melo (PSB), que não tem atendido as diversas classes de servidores do município de Montadas como bem deveria.

Como é notório em outras matérias realizadas por este site, bem como as demais tramitações junto ao Tribunal de Justiça e ao Tribunal de Contas, a gestão do prefeito Jairo Herculano tem o péssimo hábito de omitir informações administrativas, tanto aos munícipes como aos diversos órgãos competentes e isso não deixou de acontecer com o SINTAB - Sindicato dos Trabalhadores Públicos do Agreste e da Borborema da Paraíba.

A atual Direção do SINTAB do município de Montadas por diversas vezes requereu informações junto a Poder Executivo local, todavia, muitas das quais não foram atendidas. Após longo período de espera, enfim, a gestão resolveu escutar as reivindicações das diversas classes de servidores através do diretor municipal da classe sindical Marcelo Vieira Costa, todavia, o prefeito Jairo Herculano não compareceu a reunião.


Devido as diversas anomalias constatadas neste pouco período do exercício de 2015, tais como as péssimas condições que os garis estão sendo expostos em seu horário de almoço, muitos dos quais precisam ficar no chão para se alimentar; os riscos de vida que os motoristas estão correndo devido a falta de manutenção de diversos veículos da Frota Municipal e ainda questões referentes ao rateio dos recursos do FUNDEB destinado exclusivamente ao profissionais da educação. Assim, em Assembleia Sindical datada de 18 de maio, os servidores municipais decidiram paralisar na data de 29 de maio de 2015 as suas atividades, como forma de protesto aos atos da atual gestão.


Entre diversas reivindicações, o SINTAB de Montadas, esta focado neste últimos dias na luta pelos direitos dos servidores municipais aos adicionais de insalubridade e periculosidade prometido pela administração do atual prefeito Jairo Herculano desde fevereiro de 2014, mas que foram procrastinados pela atual gestão até o final deste mês de maio de 2015, visto que o Projeto de Lei só foi reenviado ao Legislativo após longo período de cobrança do Sindicato junto a Edilidade Executiva.

O Projeto de Lei Nº 005/2015 que dispõe sobre a regulamentação da concessão dos adicionais de insalubridade e periculosidade aos Serviços Públicos do Município de Montadas/PB já transitou pelas devidas Comissões Permanentes de Fiscalização e Constituição, Justiça e Cidadania da Câmara Municipal de Montadas e nesta segunda-feira, 01 de junho de 2015, em Sessão Extraordinária convocada para essa exclusividade, será posto em Plenário para votação.

A Comissão de Fiscalização complementou o texto original do Executivo através de duas emendas, complementações estas que seguiram fielmente as reivindicações do SINTAB, as quais visam ampliar os direitos dos servidores e da classe sindical sem causar prejuízo ao Poder Público Municipal.


O Projeto de Lei já apresenta posicionamento favorável de 4 vereadores, caso venha a existir um empate entre os parlamentares, recairá sobre o presidente da Câmara a responsabilidade de decidir mais uma vez sobre a aprovação ou a rejeição de um Projeto de Lei.

O Diretor do SINTAB de Montadas, Marcelo Vieira Costa discursou abertamente em praça pública e convidou a população montadense e todos os servidores a se fazerem presente nesta segunda-feira, 01 de junho as 19h na Câmara Municipal de Montadas para apoiarem e acompanharem a luta da Sindical do município em busca dos direitos dos trabalhadores.


#2015 #SINTAB #jairoherculano #Paralisação

1 visualização

Siga o Eu Sou Azul

Tony Veríssimo

Post em destaque

© 2014-2020 EuSouAzul.com

Todos os direitos reservados