• Tony Veríssimo

O peso da vergonha: Basto de Militão (PSB) de Montadas renuncia a posição de Líder da bancada



A maior prova do peso da vergonha que passa o vereador Sebastião da Costa Silva, vulgo Basto de Militão (PSB) de Montadas, se comprova pela ofício não numerado, protocolado pelo parlamentar mirim junto a Câmara Municipal de Montadas, às 14h dessa terça-feira, 26 de dezembro de 2017. Conforme a documentação o vereador comunica o afastamento irrevogavelmente da posição de líder da bancada do Partido Socialista Brasileiro de Montadas.

O ato de renunciar a posição de liderança surge pelo peso social, moral e ético em face ao ato praticado pelo parlamentar em gravar um vídeo se masturbando dentro da Escola Estadual Maria José de Souza e seguidamente publicar em seu próprio perfil do Facebook, tornando-se matéria nos principais veículos de comunicação do Brasil como G1, Band.com e R7, entre diversos outros do estado da Paraíba e inclusive de Portugal, na Europa.

O ato de renuncia da posição de líder de bancada demostra que o parlamentar compreende que a sua conduta é incompatível com a posição ora ocupada, o que apenas reforça por simetria que a posição ocupada como vereador também é indigna, afinal, não faria sentido renunciar a posição de líder da bancada e não a de vereador, visto que os motivos são os mesmos.

O ato do vereador ocorreu poucas horas antes da sessão extraordinária que ocorrerá as 19h desta terça, 26, na Câmara de Montadas, para apreciar a denúncia formulado pela suplente Michell Platimir (PDT/12), que pede a cassação do parlamentar por quebra de decoro.


#BastodeMilitão #decoro #michel #Platimir #cassação #extraordinária #masturbação

11 visualizações0 comentário